Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rabiscos Soltos

#FIquemEmCasa Em tempos de isolamento social um blog pode ser uma janela para mundo. Fiquem em casa. Leiam. Escrevam. Ajudem. Sejam melhores. Sejam maiores. Mas fiquem em casa.

Rabiscos Soltos

#FIquemEmCasa Em tempos de isolamento social um blog pode ser uma janela para mundo. Fiquem em casa. Leiam. Escrevam. Ajudem. Sejam melhores. Sejam maiores. Mas fiquem em casa.

em teletrabalho

31.03.20, P.

Não é, para mim, propriamente uma novidade. Trabalho "de casa" com alguma regularidade e, por isso, não passei por nenhum período de adaptação, não tive qualquer dificuldade logística ou informática. 

Bem, na verdade, como agora somos 2 em teletrabalho simultâneo tivemos que fazer algum investimento para transformar a sala num escritório para 2. Cadeiras confortáveis para 2, ecrãs para 2 (só tínhamos 1 mas foi só ir à empresa buscar o outro) e depois desistir de ter mesa da sala definitivamente, ligar a impressora, juntar post-its, canetas e afins e voilá... um espaço de trabalho.

Um conselho: não usem o sofá durante as horas de trabalho. Para além de ser muito mais fácil procrastinar no sofá, é igualmente importante fazer a distinção entre trabalho e lazer, especialmente numa altura em que estamos confinados a casa.

Cumpram horários de trabalho. De entrada e de saída. Estar a trabalhar de casa não significa estar disponível 24 horas por dia. É ainda mais importante desligar. Isto pode significar também tirar as notificações do grupo de whatsapp do pessoal de trabalho que não pára durante todo o fim de semana.

Estar a trabalhar de casa não significa ter tempo para ir fazendo outras coisas. Não, não dá para fazer o almoço entre duas reuniões, nem dá para estender a roupa, limpar a casa de banho ou fazer as camas em horário laboral. Também não dá para pôr os telefonemas em dia.

Estabeleçam objectivos diários, semanais ou como vos der mais jeito. Mantenham-se focados no que precisam fazer, quando e não sejam brandos convosco. Não se habituem a não fazer a ponta dum corno. Respeitem o vosso horário laboral. Exijam que os vosso familiares respeitem o vosso horário de trabalho. Respeitem o horário de trabalho dos outros. 

Façam pausas. Não estejam sentados em frente ao computador horas sem fim. Bebam água, façam chá ou café. Lavantem-se uns minutos de vez em quando. Mas não aproveitem esses minutos para fazer o almoço, para estender a roupa ou para aspirar a casa. Vão à janela, oiçam uma música ou dancem um bocadinho. Mas não se distraiam o suficiente para depois ser difícil regressar ao trabalho.

Todos temos dias em que nos é difícil concentrar. Todos temos dias em que não nos apetece faz nada. Acontece. Vai continuar a acontecer mesmo em casa. Não vale a pena fazer disso um drama. Mas não vão para o sofá ver uma série de TV. Arrumem o email, escrevam um diário, façam qualquer coisa que não exija o vosso melhor mas não se esqueçam que estão a trabalhar. 

Tentem ser produtivos. E talvez com isso consigam ganhar alguns minutos ou até uma hora ou outra para vocês, aqui e ali. 

Tenham como objectivo provar aos v/ chefes e a vocês mesmo que o teletrabalho é uma opção válida e que não precisa ser esquecida depois de tudo isto passar - porque vai passar. Ganhem este privilégio (porque não duvidem que é um privilégio).

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.