Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rabiscos Soltos

Rabiscos Soltos

Um voto, uma voz

Sempre que há eleições no horizonte tenho uma mega discussão com um amigo que insiste em não votar. Este ano já tinha decidido que não ia embarcar nessa outra vez mas tenho sina, sei lá, e saiu-me outro na rifa... lá houve nova discussão. 

Não consigo perceber como é que pessoas da minha idade se demitem de contribuir para a escolha de quem rege a sua vida. Eu sou a favor do voto obrigatório. Acho que apenas assim não votar seria efectivamente um protesto. Como o voto não é obrigatório, não votar é apenas preguiça e falta de respeito para com a sociedade em geral e com quem lutou pela democracia em particular.

infelizmente é muito difícil explicar a alguém que não votar não resolve nada e se limita a dar mais poder precisamente a quem dá mau nome à política e ao poder.

E invariavelmente dou por mim no meio de uma discussão inconsequente. 

Mas, e apesar de minha descrença na humanidade em geral (eu não era assim, caramba, eu era uma pessoa cheia de fé nos outros!) continuo a não desistir de pôr algum juízo em determinadas cabeças.

 

publicado às 21:30

Fim

Quando eu morrer batam em latas,
Rompam aos saltos e aos pinotes,
Façam estalar no ar chicotes,
Chamem palhaços e acrobatas!

Que o meu caixão vá sobre um burro
Ajaezado à andaluza:
A um morto nada se recusa,
E eu quero por força ir de burro!...

                            Mário de Sá-Carneiro

 

(quando eu morrer, façam-me um favor e não partilhem a notícia no facebook... é que se há comentários do género "descanse em pax" ou "á mais uma estrelinha no céu", eu volto e temos o caldo entornado)

publicado às 22:18

internet e cenas

Por razões que não interessam decidi pegar no comando da TV e ir à procura de  qq para passar uma ou duas horas a não pensar no que me preocupava na altura. Fui direitinha às gravações automáticas e da box, corri (7 dias de) todos os canais de séries e filmes, desisti e fui ler um livro. 

Mas, como já tenho poucas coisas em que pensar, fiquei a remoer naquilo e, mais uma vez, perguntei-me porque raio pago um pacote de TV tão caro. A verdade, verdadinha, é que na TV vejo notícias (coisa cada vez mais dificil porque os canais de notícias estão infestados - a palavra certa - de comentadores de futebol), o Governo Sombra, o GoT (sim, eu via na TV) e pouco mais. O governo sombra até posso tirar daqui porque oiço boa parte das vezes em podcast. O GoT tb já acabou. Ficam as notícias, que 90% das vezes vejo na net. Tal como parte das séries de que gosto (calma, não estou a falar de pirataria, gosto imenso da RTP Play). Ou seja, eu só tenho televisão para ter Internet. Assim como só tenho telefone de casa para ter Internet. O que significa que a internet é cara como o raio. Traz brindes para nos enganar mas é cara como o raio. Mas eu já não posso/quero viver sem internet (podia dizer que é porque às vezes trabalho de casa, mas não é). 

Não me faz confusão pagar para ter televisão, acho que temos que pagar para ter televisão. O problema é que quando queremos ver televisão não há um programa que nos agrade. Agora vão-me falar da NETFLIX... a questão é: internet. É uma bola de neve....

 

 

publicado às 08:51

dias cinzentos

Que Setembro chegue (eu sei que já é dia 4, ok?) com a esperança dos recomeços. Para mim o Ano começa mais em Setembro que em Janeiro, fui estudante a maior parte da minha vida e filha de professora o resto do tempo, sempre andei ao ritmo dos anos lectivos e nem agora isso muda. 

Mas, dizia eu, que Setembro traga de volta a chuva e a esperança. Que nos tragas folhas brancas onde escrever, que nos traga noites mais longas, cheiro a terra molhada (um clássico, eu sei) e energia. Não sei quanto a vocês mas o sol e o calor deixam-me sem energia nenhuma, já estes dias cinzentos deixam-me com vontade de fazer cenas, de imaginar e concretizar. 

Eu sei que o mundo em geral está uma merda e o meu em particular também não está lá essas coisas mas hoje não me apetece pensar nisso, hoje apetece-me curtir o primeiro dia de Setembro (não sejam chatos, eu sei que já dia 4) com um sorriso e a certeza que vai correr bem.

21078445_10154937454288575_8235373240919414052_n.j

imagem daqui

 

publicado às 08:17

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D